Publicado em Brasil, Cultura, Viagens

Série: Minhas viagens – post 03/06 – Maceió

Em 2015 tive a oportunidade de conhecer Maceió, capital do Estado de Alagoas. Foi a primeira viagem de avião que fiz para outro Estado brasileiro. Fiquei cinco dias nesse lugar lindo, com pessoas acolhedoras, de comida maravilhosa e uma paisagem incrível!

Maceió foi uma viagem que fechei às pressas sem me programar. Ganhei na empresa uns dias antes do Natal (uma semana) e resolvi fechar uma viagem. Como eu nem tinha programado nada, essa foi a opção mais em conta que tinha na época do Natal. Então, fui!

Está aí um lugar que eu voltaria com certeza só para passear pelas praias e ficar horas olhando para o mar! Isso, inclusive, foi uma coisa que me impressionou: a limpeza das praias. Comparadas às praias de São Paulo… bom, nem tem como comparar! Mas não pense que foi só coisa boa. Tive uma grande decepção que foi a Praia do Francês. Lotada e a mais suja das praias que visitei. Nem a cor do mar compensou ficar lá. Foram 15 minutos para nunca mais… Em compensação, Praia do Gunga, Paripueira, Pajuçara… ❤

Outra coisa que me fez me apaixonar por Maceió foi a comida. Quando estou viajando, evito ao máximo comer coisas com as quais já estou habituada em São Paulo. Assim, tento sempre comer o que é típico ou fora do meu habitual. E que comida boa! rs Sabores e cores muito diferentes! O restaurante que mais gostei, Bodega do Sertão, foi o que ofereceu a comida que achei mais gostosa durante os cinco dias que fiquei! Parecia literalmente comida feita em casa, sem aqueles requintes de restaurante!

E, claro, as pessoas! O que mais estranhei é a calma com que as pessoas resolvem as coisas. Mas entendam, eu nasci, e cresci em São Paulo. Em São Paulo, o stress e a correria estão no nosso DNA, fazem parte de quem somos desde o berço! Foi meio estranho para mim ter que desacelerar da rotina Paulistana e simplesmente aproveitar. E o trânsito? Que estranho não ver engarrafamentos! rsrsrs

Com certeza, eu voltaria para Maceió. Ainda tenho muito do Brasil para conhecer, mas Maceió definitivamente é um lugar para o qual eu voltaria e indico para quem quer férias tranquilas, com paisagem maravilhosa e comida boa!

Confira aqui os outros posts da série sobre as minhas viagens:

Publicado em Argentina, Brasil, Cultura, Inteligência Cultural, Mundo, Séries, Sociedade, Viagens

Indicação de série: Street Food (Netflix)

Ei, você!

Você é assinante do serviço de streaming Netflix?

Você adora culinária ou fatos curiosos sobre outras culturas?

Você gosta de viajar e quer dicas para onde ir ou o que fazer?

Olha essa dica de duas séries que trago pra vocês: Street Food: Asia e Street Food: Latin America.

Séries perfeitas para amantes da culinária, culinária exótica ou cultura. As duas séries abordam aspectos culturais de países da Ásia e da América Latina, contam as histórias das pessoas que cozinham e servem como referência para quem for viajar para um dos países mencionados. E, sim, na série sobre América Latina, há um episódio sobre o Brasil, que se passa na Bahia!

As duas séries comentam sobre peculiaridades culinárias, pratos tradicionais, releituras gastronômicas e ainda, implicitamente, nos mostram parte das culturas que não conseguimos ver viajando com grupos turísticos. Os programas falam sobre comida de rua: aquela que as companhias turísticas dizem pra gente tomar cuidado ao comer (risos) mas que nos revelam muito sobre a identidade cultural da sociedade, e sobre sua personalidade gastronômica.

Os dois programas trazem legenda em português (são em inglês + idioma local), exceto o episódio sobre o Brasil, que é em português. Você pode conferir os trailers, em inglês, aqui:

Street Food: Asia fala sobre os seguintes países:

  • Tailândia
  • Índia
  • Taiwan
  • Japão
  • Coreia do Sul
  • Singapura
  • Indonésia
  • Filipinas
  • Vietnam

Street Food: Latin America fala sobre os seguintes países:

  • Brasil
  • México
  • Colômbia
  • Argentina
  • Peru
  • Bolívia

Impossível não se comover com as histórias e não ficar com vontade de ir conhecer os lugares (gente, o queijo usado nos pratos argentinos – socorro!).

Então, se está planejando uma viagem, veja essas séries! Vai te ajudar a compreender mais da cultura, do povo, e, quem sabe, não te ajuda a encaixar um lugar a mais na sua visita pelo país?

Publicado em Cultura, Inteligência Cultural, Livros, Mundo, Negócios, Secretariado, Sociedade, Viagens

Indicação de leitura: Os Nortes da Bússola – Manual para conviver e negociar com culturas estrangeiras

Você está com uma viagem marcada – seja ela de negócios ou de lazer – e tem o desejo de aproveitá-la ao máximo, independente do tempo que você for ficar no lugar. Claro que dicas de blogs ou agências de turismo ajudam nas dicas superficiais, aquelas do tipo “o que comer”, “onde ir”, “gestos a evitar” e etc.

Mas você sabia que, aprimorando sua Inteligência Cultural você consegue ter uma imersão no lugar e transformar sua experiência de forma extremamente natural?

Trabalhar sua Inteligência Cultural vai te colocar um passo a frente dessas dicas básicas de guias turísticos. Você vai ter uma compreensão melhor do mundo, comportamentos e sociedades, e, de quebra, ainda vai te ajudar com uma reflexão de autoconhecimento.

Assim, tenho mais uma indicação de leitura na área para quem quer desenvolver suas habilidades interculturais e, literalmente, mudar sua vida reavaliando seus prórpios comportamentos e experiências!

A dica de leitura é o livro Os Nortes da Bússola – Manual para conviver e negociar com culturas estrangeiras.

Um livro super gostoso e fácil de ler, com dicas e curiosidades muito legais acerca de algumas culturas, o que nos instiga a repensar nosso comportamento durante nossas viagens. É um livro mais voltado para quem viaja a negócios, mas dá pra aproveitar as dicas para viagens turísticas também, especialmente se você é dessas pessoas que se aventuram viajando sozinhas!

Recomendo ter na prateleira pois é um livro que, mesmo que trate de psicologia e comportamento intercultural, possui dicas que são extremamente valiosas para qualquer pessoa que deseja ter uma imersão cultural bem detalhada!

Ficha Técnica:

Título: Os Nortes da Bússola – Manual para conviver e negociar com culturas estrangeiras

Autores: Andrea Sebben e Fernando Dourado Filho

País: Brasil

Idioma: português

Número de páginas: 205

Onde comprar: pela internet

Preço: varia de R$ 9,99 a R$ 50,00 de acordo com o site

Resumo extraído do livro: Por Luis Fernando Veríssimo: “Globalização, internet, comunicação instantânea… Nunca o mundo todo foi tão acessível a todo mundo. E, quanto mais fácil fica o acesso a este mundo de todos, mais nos damos conta da sua diversidade cultural e da nossa necessidade de conhecê-la melhor. Hoje ser bem informado sobre história e costumes de outros povos não é uma decorrência apenas da curiosidade intelectual ou de um interesse turístico passageiro, é quase uma condição para o sucesso em muitas áreas e certamente condição para ser um cidadão integrado na admirável nova comunidade internacional que se desenha. Os nortes da bússola serve como guia para este futuro e como referência para as exigências do presente. Boa viagem, bons negócios, bom intercâmbio e boa leitura!